5 coisas que não podem faltar na gestão de restaurante em 2017

Se você é o dono ou o responsável pela gestão de restaurante, certamente já está se programando para que o seu estabelecimento continue trazendo bons resultados no novo ano que está chegando, não é mesmo? Afinal, estar atento a tendências de mercado e fazer um planejamento de ações são peças-chave para o sucesso de qualquer empresa, seja ela do ramo alimentício ou não.

Pensando em ajudá-lo, elaboramos uma lista com 5 coisas que não podem faltar na gestão de restaurante em 2017. Ficou curioso? Então continue lendo e confira as nossas dicas!

1. Planejamento estratégico

O planejamento estratégico é essencial e deve ser revisado todo o ano, portanto, a hora de iniciar esse trabalho é agora. Existem diversas metodologias para a realização do planejamento estratégico de um restaurante, sendo uma das mais utilizadas, a análise SWOT.

Trata-se de uma técnica da administração que gera uma matriz com o cruzamento dos pontos fortes e pontos fracos da empresa com as ameaças e oportunidades que existem no ambiente em que ela está inserida.

2. Marketing

Já diz o velho ditado que “quem não é visto, não é lembrado”. Portanto, investir em marketing é algo que sempre deve estar em um plano de gestão de restaurante.

Hoje em dia existem diversas ferramentas para a criação e divulgação de peças publicitárias, tanto no meio digital como no tradicional. Você pode divulgar seu restaurante nas redes sociais, anunciar em emissoras de rádio ou jornais locais etc.

3. Capacitação de colaboradores

De nada adianta o seu estabelecimento ter uma boa estrutura e servir uma boa comida, por exemplo, se os garçons, atendentes e demais colaboradores não serem cordiais e solícitos com os clientes.

Por esse motivo, investir na capacitação dos colaboradores é fundamental para garantir o sucesso de um restaurante. Você pode realizar treinamentos motivacionais, palestras e workshops sobre atendimento ao cliente etc.

4. Consultoria tributária

Para evitar os custos desnecessários, bem como otimizar aquilo que é gasto no restaurante, a contratação de um serviço de consultoria tributária pode ser uma boa saída.

Além disso, esse tipo de serviço pode contribuir para a prevenção ou gerenciamento de crises financeiras, além de auxiliar nas questões referentes ao pagamento de impostos ao Município, Estado ou União.

Um software de gestão pode ser um ponto de apoio essencial para este processo, que normalmente é trabalhoso e desgastante para as empresas. Além de controlar com mais facilidade todas as informações que precisam ser repassadas ao fisco, ainda evita multas e penalidade por atrasos ou falhas na entrega dos dados.

5. Software de gestão

E se o seu restaurante ainda tem as atividades controlados no papel, já passou da hora de você contratar um software de gestão, pois as empresas que não utilizam esse serviço correm o risco de serem ultrapassadas pelos concorrentes.

Praticamente todas as ações descritas anteriormente podem ser controladas de maneira mais eficaz com um software de gestão. Além do mais, esse tipo de programa agiliza o atendimento, fazendo com que os clientes não percam muito tempo em filas enquanto se soma o que foi consumido para o pagamento, por exemplo.

Agora que você já sabe o que não pode faltar na gestão de restaurante em 2017, que tal baixar o nosso e-book que apresenta as tendências tecnológicas que seu restaurante precisa conhecer? Certamente ele também será muito útil e contribuirá para o seu estabelecimento se torne um case de sucesso.

Comentários

comentários