Qual é o melhor aplicativo de delivery de comidas?

Não é novidade que os aplicativos de delivery de comida caíram no gosto dos brasileiros. As lojas oficias Google Play e App Store registram milhões de downloads de serviços como iFood, Uber Eats, Rappi e James. Dentre eles, o primeiro segue sendo a maior plataforma de delivery da América Latina. Mas, em meio a tantas opções, será que o iFood é realmente o melhor aplicativo para vender comidas?

Um ponto a ser considerado é que os aplicativos de delivery já fazem parte da realidade do foodservice, que é um dos mercados de consumo mais relevantes do país. O faturamento desse segmento foi estimado em R$ 230 bilhões e mais de 14 bilhões de visitas aos restaurantes em 2018 no Brasil, segundo a última pesquisa de monitoramento do foodservice brasileiro CREST®, realizada pela GS&NPD no Brasil.

Por outro lado, metade dessas visitas aos restaurantes são individuais e/ou correspondem a pedidos feitos fora do estabelecimento, via delivery ou “para viagem”. 

Os aplicativos são ainda mais práticos porque estão disponíveis para celulares Android e iPhone (iOS), e se destacam porque buscam se diferenciar para conquistar o público, seja com descontos, facilidades na entrega ou opções de veículos de transporte. Sendo assim, vamos entender um pouco mais sobre cada um deles?

iFood

iFood

Fundada em 2011 em São Paulo, a empresa surgiu para revolucionar o delivery de comida e já está em mais de 900 cidades. Igualmente, seus números são impressionantes: em 2019, o iFood apresentou um crescimento de 116% no número de pedidos recebidos em comparação com 2018. Isso significa um avanço de 12,3 milhões em 2018 para 26,6 milhões no mesmo mês de 2019.

De acordo com o aplicativo, o usuário pode usufruir de diversas categorias de comidas para pedir tanto em casa quanto no trabalho. A partir do recurso de geolocalização, o serviço indica os estabelecimentos mais próximos do usuário que fazem entrega.

No entanto, um dos aspectos que mais desencoraja os gestores de restaurantes a incluir suas marcas no aplicativo é a porcentagem cobrada. Além da mensalidade que varia entre R$ 79 e R$ 100, há uma taxa de 15% a 27% do valor de cada pedido.

Uber Eats

Uber Eats

A empresa norte-americana presente em vários países do mundo que oferece transporte a preços acessíveis também entrou no mercado de delivery de comida. Em 2019, esse segmento do Uber Eats deu um boom: em janeiro, eram 1.600 restaurantes cadastrados e, em setembro, o número subiu para 5 mil, em 36 países.

Para o usuário, não tem segredo: se ele já tem dados cadastrados no Uber, não precisa preencher novamente no aplicativo de entrega de comida, pois as plataformas são integradas. Além disso, um dos grandes diferenciais é que é possível agendar a entrega para dias e horários específicos.

Já a taxa também desanima os restaurantes: a empresa cobra um valor que pode variar até 30% por pedido. Dessa forma, contratar esse tipo de serviço de entrega pode parecer pouco lucrativo. Mas, é preciso levar em consideração o custo e a preocupação com a logística de entrega.

Rappi Delivery

Rappi Delivery

A startup colombiana fundada em 2015 também cresce a cada dia. Em 2019, foram mais de US$ 1,7 bilhão em investimentos (R$ 6,41 bilhões), 100 mil entregadores, 80 mil parceiros e 9,3 milhões de usuários ativos em 40 cidades de sete países da América Latina.

O principal diferencial do aplicativo é a oferta de entregas em categorias variadas, como supermercados, restaurantes, padarias, lanchonetes e farmácia. Do mesmo modo, há a opção de pedidos personalizados, que podem ser solicitados com a localização da loja do produto e descrição preparada pelo cliente.

Contudo, para ativar um estabelecimento na plataforma, o Rappi pede uma taxa única no valor de R$ 40. Além disso, a empresa determina que terá o direito de cobrar do restaurante uma taxa de 3,5% sobre o valor de cada transação. 

James Delivery

James Delivery

O Grupo Pão de Açúcar também entrou na onda de entregas por aplicativo com o James Delivery. Ainda que recente frente aos concorrentes, a força do grupo varejista tem se espalhado rapidamente pelo Brasil: apenas em 2017, a empresa cresceu 800% e não deve parar por aí.

O aplicativo se autodenomina como “delivery de qualquer coisa”. Com efeito, a grande diferença é que o cliente realmente pode pedir qualquer coisa na área de entregas do James, independentemente do estabelecimento e do produto cadastrado na plataforma.

Por outro lado, caso seu restaurante seja um parceiro James, ele paga a mensalidade de R$ 99 e, caso não seja um parceiro exclusivo, uma taxa de 10% sobre o valor da mercadoria.

Presença online

Presença online

Hoje, não está fora de questão o impacto da internet no mundo e nos negócios, e se você deseja que seu empreendimento prospere, uma boa presença online é fundamental. Definitivamente, os aplicativos de delivery fazem parte do mercado de foodservice e atraem cada vez mais usuários. 

Então, para obter o máximo de desempenho com eles, você precisa estruturar o seu negócio e ainda estudar a precificação dos produtos para que essa taxa seja repassada ao cliente final. Para saber mais, confira o nosso Guia Completo do Delivery de Sucesso.

Ainda, é importante contar com um sistema sólido capaz de metrificar as principais ações que afetam o desempenho do estabelecimento. A KCMS oferece soluções para você! Clique aqui e confira tudo sobre o nosso software.

O seu próprio sistema de delivery sem taxas

Já pensou em ter clientes satisfeitos e atendimento mais rápido usando um aplicativo livre de custos e taxas? A KCMS desenvolveu o Pede+, o seu próprio sistema de delivery e retirada que proporciona uma economia que pode ser grande, por não gerar gastos.

Com esse aplicativo, você disponibiliza o seu cardápio para que o cliente possa fazer o pedido sem instalar nada, assim, recebendo diretamente no WhatsApp, de forma simples e fácil.

Dentre os benefícios, o contato direto com o cliente se mostra importante para estabelecer fidelidade, credibilidade e resolver rapidamente eventuais problemas. 

Sem concorrentes no mesmo aplicativo, é possível fazer promoções e oferecer vantagens diferenciadas aos seus clientes, além de programas de fidelização. Gostou? Solicite o seu app delivery gratuito!

Atualizado em: 15/04/2020

KCMS em Home Office