Valet Park: devo implementar esse serviço no meu restaurante?

Enfim, sexta-feira a noite! Após uma semana cansativa de trabalho, Pedro atendendo a insistência da esposa decide sair com os dois filhos para jantar. Depois de algum trânsito e já cansados, todos ficam muito felizes ao avistar o restaurante favorito da família. Porém, como não havia serviço de valet park, o trânsito era só o começo da jornada.

Parece que todo mundo havia decidido sair naquele dia e toda a calçada do restaurante estava lotada de carros. As ruas paralelas também lotadas. A busca por uma vaga acabou se estendendo por vários minutos e estressando as crianças que estavam no banco de trás do carro, que estavam com fome e sono. Pedro já cansado desiste da busca, atender ao desejo dos filhos e acaba transferindo o jantar para o drive thru do Mc Donalds.

Naquele dia o restaurante perdeu um cliente simplesmente por não contar com um serviço de valet. Pior, mesmo gostando do estabelecimento, Pedro pensará muito antes de tirar o carro da garagem na próxima semana.

O mesmo que aconteceu com o Pedro também acontece com o potencial cliente do seu negócio. Então continue lendo esse artigo e entenda de uma vez por todas como funciona o serviço de manobristas para restaurantes e como você pode implementar o serviço dentro da lei.

Aproveite para conferir também a entrevista acima em que o chef Zezinho, com mais de 34 anos de experiência na área gastronômica, explica como o serviço de valet se tornou importante para os restaurantes nos últimos anos.

O que é o serviço de valet park?

O valet park é serviço de manobrista, tradicionalmente oferecido por restaurantes, shoppings, aeroportos e outros estabelecimentos.

Explicando de forma sucinta, o valet park possui uma operação simples e ágil. O que seria a solução para o restaurante do nosso exemplo conquistar Pedro como cliente.

Os manobristas ficam no local mais próximo da entrada do estabelecimento, geralmente sob um toldo ou próximo a um indicador do serviço.

Então, o cliente entrega suas chaves ao manobrista  disponível e recebe um comprovante. Esse documento deve ser entregue no momento da saída, para que o condutor possa receber o veículo de volta.

Os serviços de valet costumam cobrar uma taxa fixa, que é adicionada à taxa do estacionamento, se houver. O serviço de valet pode ser pago no momento da retirada do veículo ou, em alguns restaurantes, dentro do estabelecimento, com a conta.

Quais as vantagens para oferecer serviço de manobrista?

Os toldos com manobristas estão cada vez mais presentes na paisagem das grandes cidades, sobretudo nos grandes centros urbanos em que a disputa por vagas de estacionamento é muito acirrada.

Como ficou claro no exemplo do jantar de Pedro, a presença ou não do serviço de valet park pode ser decisiva para o cliente sair ou não de casa.

Essa escassez de vagas é inclusive um dos fatores que explica o crescimento do drive thru e dos aplicativos de delivery como iFood, Rappi e Uber Eats.

Empresa dobra o faturamento com serviço de valet

Com o serviço de valet você consegue combater esse crescimento, criando um potencializador de oportunidades para seu negócio.

A empresária Cátia Oliveira, entrevistada pela reportagem do programa Pequenas Empresas, Grandes Negócios, conseguiu praticamente dobrar o faturamento com os manobristas no restaurante. “Isso acaba fidelizando e você acaba atraindo um público maior”, afirmou.

Quanto custa o serviço de valet para restaurantes?

O preço do serviço de valet via de regra repassado ao cliente num valor fixo repassado ao cliente acrescido da taxa de estacionamento.

Esse valor varia conforme a cidade e antes de definir o preço para o cliente, você deve calcular o salário e encargos dos manobristas e o valor do seguro, indispensável, para oferecer esse serviços, e o custo do treinamento desses profissionais.

Você também pode terceirizar esse serviço para um empresa terceirizada e livrar-se de toda “dor de cabeça” que trataremos no próximo tópico.

Para que você tenha uma referência de custos do serviço de valet, a empresária Cátia, que citamos no tópico anterior, desembolsa mensalmente R$ 12.000,00. O valor é alto, mas como ela conseguiu duplicar seu faturamento, certamente, compensou o investimento.

Quais os cuidados para ter um manobrista em seu restaurante?

Como tudo o que envolve a guarda de propriedades de terceiros, existem alguns cuidados que devem ser observados ao oferecer o serviço de manobrista. Isso porque, segundo entendimento do STJ, quaisquer danos ou sinistros causados ao veículo durante sua guarda são de responsabilidade da empresa prestadora.

Além de zelar pelo veículo de seu cliente, a legislação também orienta o seguinte:

  • informar ao cliente o valor do serviço, o endereço do estacionamento e o valor do seguro;
  • não estacionar o veículo em vias públicas;
  • entregar ao cliente um recibo indicando o recebimento e a devolução do veículo, no qual constem o nome da empresa com CNPJ, dia e horário do recebimento e da entrega do veículo, a placa do veículo e o local do estacionamento;
  • verificar se o cliente não esqueceu nenhum pertence sobre os bancos do carro, principalmente o celular.

Como podemos ver, embora o serviço de valet seja aparentemente simples, é preciso estar atento às exigências que rege a lei.

Contudo ao instalar o serviço de valet park com atenção a lei e aos custos do seu restaurante, você oferece uma experiência mais completa para seu cliente e amplia a chances de conquistar mais um consumidor mais fiel para seu estabelecimento.

Agora para construir uma experiência verdadeiramente épica que transforme todos seus visitantes em divulgadores da sua marca, acesse a aula ao vivo com o chef Zezinho  e descubra com quem tem mais de 30 anos de experiência e já criou diversos restaurantes Como encantar clientes, do ambiente ao paladar.

sentimento de dono